“Há Festivais de Jazz a mais em Portugal”

O presidente do Hot Clube de Portugal, Bernardo Moreira, diz que nem tudo está bem no jazz em Portugal, padece de excesso de oferta de festivais e de falta de espaços onde os músicos possam tocar. “A carência do músico português é não ter onde tocar todos os dias. O Hot [Clube] e o B Flat [de Matosinhos] cumprem o seu papel, mas era preciso criar um circuito maior”, disse o antigo contrabaixista do Quarteto Hot Clube.


Foto de João Moreira dos Santos (JNPDI!)

Actualmente existem dezenas de festivais de jazz de norte a sul do país e uma agenda de concertos de artistas internacionais, como o Seia Jazz & Blues, o INJazz, o Jazzn´Gaia, o Estoril Jazz, o Festival de Valado dos Frades ou o Festival de Portalegre.

No entanto, Bernardo Moreira acredita que “um grande festival com uma data de nomes sonantes numa terra pequena não tem qualquer significado. Gastam dinheiro, mas nessa terra não fica nada”. “As câmaras são as grandes entidades que investem no jazz, mas não para desenvolver. Investem para o relatório no final do ano”, criticou o presidente do Hot Clube. Ao invés, Bernardo Moreira sugere que se gaste dinheiro em ajudar “um clube ou um cafezinho da terra para todas as semanas contratar um grupo para actuar. Aquilo dava um salto descomunal”. “Se houvesse um sítio para tocar jazz em Cuba, no Alandroal, em Elvas, um sítio onde se tocasse todos os dias, isto é que era o jazz em Portugal”, sublinhou. “Porque o jazz – disse – aprende-se muito a ouvir, mas aprende-se muitíssimo mais a ver”.

Fonte: Agência LUSA

Anúncios

1 Response to ““Há Festivais de Jazz a mais em Portugal””


  1. 1 M. Sande Freire 28 Julho 2008 às 16:48

    Está coberto de razão –
    e apesar de não me incomodar em demasia o referido “excesso de festivais”, incomoda-me sim o facto de não serem divulgados os mesmos,
    e mais do que isso,
    estou plenamente de acordo com este senhor no que respeita a ser de longe preferivel haver investimento e/ou apoio a casas com a dita música jazz ao vivo com regularidade. Como em qualquer música de boa qualidade artistica, ouvir e sobretudo VER as actuacões são fundamentais para a divulgação do género e para a elevação do espirito de cada um.

    Bem haja a todos.


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




Translate to English

Agenda

de 5 a 14 de Março - BragaJazz 2009 +info
27 e 28 de Fev | 6 e 7 de Mar - Seia Jazz & Blues 2009 +info
11 de Março - Wayne Shorter Quartet @ Casa da Música
14 de Março - Jeffery Davis @ Casa da Música


Para mais informações sobre os Clubes de Jazz acima mencionados, confiram o post sobre Clubes de Jazz em Portugal

Sugestões ou Críticas

Qualquer dica ou sugestão que tenham, assim como críticas ao blog, por favor enviem-me um E-mail para Enviar Mail

a

Calendário

Março 2008
S T Q Q S S D
« Fev   Abr »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

Quem me visita

Estatísticas

  • 210,177 Visitas

%d bloggers like this: